Blog

Imprensa Universitária Portuguesa

O estado da Califórnia tem cerca de 38 milhões de habitantes. Tem um sistema público de ensino superior – a University of California – com 10 pólos, cada qual provavelmente maior do que qualquer universidade portuguesa. Uma prestigiada editora universitária, a University of California Press, faz parte do sistema. Em Portugal continuamos a não ter uma “university press” – apenas, e para o caso que melhor conheço, o das ciências sociais,a Imprensa de Ciências Sociais do ICS (Universidade de Lisboa) e, agora, a coleção “Mundos Sociais” do CIES (ISCTE-IUL). Ou seja, nem sequer numa só universidade – o ISCTE-IUL, por exemplo – se conseguiu fazer uma “university press” da universidade (apenas de um dos seus segmentos).

Com 10 milhões de habitantes, um panorama editorial desastroso (em que é preciso pagar aos editores para publicar um livro, indo buscar-se os fundos aos financiadores científicos, como a FCT ou a Gulbenkian), como é que ainda não se tentou fazer uma “university press” nacional, que juntasse todas as universidades – que, à semelhança da University of California, pertendem ao mesmo “patrão”? Com praticamente o mesmo número de universidades e mais pequenos que a Califórnia, uma imprensa universitária portuguesa nem deveria sê-lo de uma das universidades, mas do país inteiro.

This Post Has 3 Comments

Leave A Reply